facebook

«

»

jan 13 2018

Imprimir Post

Touched by Grace ou um chamado especial, vale a pena assistir

Touched by Grace é um filme americano com dois personagens com síndrome de Down. Vale a pena assistir. No Brasil, recebeu o título “Um chamado especial”. A tradução não é boa e perde um trocadilho interessante da versão americana. A interpretação de alguns atores beira ao pastelão e a versão traduzida para português é muito fraca. Mas, insisto, vale a pena assistir e em especial acompanhado por crianças e adolescentes.

Não é uma superprodução cinematográfica, mas tem o mérito de abordar as dificuldades sociais da interação entre as pessoas a quem a sociedade chama de “normais” e das pessoas com deficiência.

O filme tem duração de 1 hora e 34 minutos. Não é cansativo e leva a uma reflexão capaz de extrair lágrimas dos mais emotivos. Foi lançado em 26 de abril de 2017.

Cara Jarvis, a protagonista, interpretada por Stacey Bradshaw, consegue transmitir as nuances do preconceito e as dificuldades em assumir a amizade. Em sua página no Facebook, a atriz postou uma frase que bem traduz a mensagem da personagem “você não pode voltar no tempo e mudar o passado, mas você pode começar as mudanças agora e mudar o fim”.

O filme permite perceber o quão cruel a sociedade pode ser com as pessoas com deficiência e as oportunidades que a sociedade perde promovendo o bullyng. A realidade enfrentada por Grace, personagem de Amber House, que tem síndrome de Down é comum ao redor do mundo.

O filme, ainda que não seja uma grande produção, tem o poder de chamar atenção para as dificuldades relacionadas à inclusão e sobre a maneira com que as pessoas com deficiência são tratadas. No Brasil, a netflix disponibiliza o filme.

Link permanente para este artigo: http://sabermelhor.com.br/touched-by-grace-ou-um-chamado-especial-vale-a-pena-assistir/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>