03 truques rápidos e de graça para aumentar a sua inteligência e se proteger do Alzheimer

03 truques rápidos e de graça para aumentar a sua inteligência e se proteger do Alzheimer

5 de julho de 2019 0 Por Saber Melhor

Assim como o nosso corpo, o cérebro precisa de exercícios. Existem fórmulas para aumentar o bumbum. Exercícios para encolher a barriguinha. Existem truques para você aumentar a sua inteligência, rapidamente, e de graça.

Esse texto é para quem quer melhorar a velocidade e capacidade de raciocínio e de conexões neurológicas. Se você está satisfeito com a sua inteligência, não continue lendo, não perca o seu tempo.

JOGOS CEREBRAIS – XADREZ

Mas se você quer melhorar, em 02 minutinhos, você aprenderá como.

Photo by JESHOOTS.COM on Unsplash

Em vários países as habilidades matemáticas dos alunos têm apresentado piora. O aprendizado de jogos de estimulação cerebral vem sendo a resposta mais efetiva para o problema. O principal e mais efetivo método é o xadrez. Os efeitos benéficos ainda se refletem nas habilidades de leitura, escrita, raciocínio lógico, foco e concentração, como mostram pesquisas realizadas na Inglaterra, Espanha, Turquia, Alemanha e Itália. O Parlamento Europeu já se manifestou que o jogo é uma efetiva ferramenta educacional[.

O jogo de xadrez exige do praticante rápidas tomadas de decisão, análise espacial do tabuleiro, compreensão para identificar um problema e adoção de estratégias para obtenção de soluções, foco, atenção e desenvolvimento da memória de curto prazo e outras habilidades que estimulam diferentes partes do cérebro simultaneamente.

Os benefícios imediatos são os seguintes[

  1. Aumento do QI;
  2. Prevenção do Mal de Alzheimer;
  3. Exercita os dois lados do cérebro;
  4. Aumenta a criatividade;
  5. Melhora a memória;
  6. Aumenta a capacidade de resolver problemas;
  7. Melhora a capacidade de leitura;
  8. Melhora a concentração;
  9. Promove crescimento dos dendritos;
  10. Estimula o aprendizado de técnicas de planejamento.

E se antigamente o jogo era algo de reis e nobres, hoje pode ser aprendido em diversos canais da internet de forma gratuita.

EXERCÍCIOS FÍSICOS


Exercícios são tão bons para o cérebro como para o corpo. Os exercícios aeróbicos são os mais benéficos para o cérebro. Antigamente os impactos das atividades físicas no organismo eram estudados apenas do pescoço para baixo. Ultimamente isso mudou.

A Escola de Medicina de Harvard, em pesquisas realizadas por Dana-Farber, em 2013, descobriu que durante os exercícios se dá a liberação de uma molécula específica. A pesquisa foi publicada em outubro de 2013 no Cell Press Journal Cell Metabolism[1].

A professora Ozioma Okonkwo, professora assistente da Escola de Medicina e Saúde Pública de Wisconsin, EUA, explica que as atividades físicas beneficiam o cérebro diminuindo o risco de perda de memória e de desenvolvimento de Alzheimer. Ela cita estudo publicado no conceituado “Journal of Alzheimer’s Disease”. Evidências demonstram que o aumento da capacidade aeróbica é relacionado com o crescimento cerebral.

Veja algumas atividades físicas benéficas para o cérebro:

  1. Malabares;
  2. Ciclismo;
  3. Caminhada;
  4. Corrida;
  5. Natação.

Mas lembre-se, antes de começar qualquer atividade física, consulte um médico e saiba se existe alguma contraindicação para você.

APRENDA UMA LÍNGUA

A linguagem é processada no cérebro. É uma atividade extremamente complexa. Diversas partes do cérebro estão envolvidas nas diversas habilidades envolvidas com a aquisição da linguagem. O controle dos músculos faciais é a parte menos complexa e nem conseguimos percebe-la.

Um estudo suíço, conduzido pela academia das forças armadas com jovens recrutas, demonstrou que houve crescimento cerebral daqueles que aprenderam uma nova língua no período de 13 meses. Em outros grupos, acompanharam o desenvolvimento de recrutas que estudaram a mesma quantidade, mas outros assuntos. O desenvolvimento destes foi menor. Outros estudos demonstram que pessoas bilíngues parecem ter uma maior proteção contra o desenvolvimento do Alzheimer.Ainda que o mecanismo do crescimento cerebral decorrente do aprendizado de outras línguas seja pouco conhecido, a ocorrência do crescimento é um fato, conforme revelam estudos de imagens do cérebro.

Hoje em dia, sites no You Tube e aplicativos de celular auxiliam no aprendizado de diversas línguas. O ritmo de aprendizado e os horários de estudo são feitos pelos próprios aprendizes. Em um ano é possível uma grande evolução nas habilidades linguísticas e cerebrais.

CONCLUSÃO

Que tal uma corridinha, ouvindo um canal de aulas de inglês ou de uma outra língua que queira aprender? E, depois, para descansar, uma partida de Xadrez? Parece bom?


Fontes utilizadas:

]https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1747938X16300112
]https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5426665/
]https://www.brainscape.com/blog/2012/09/brain-benefits-of-playing-chess/
]https://www.psychologytoday.com/us/blog/the-athletes-way/201310/scientists-discover-why-exercise-makes-you-smarter
]https://www.indiana.edu/~brainevo/publications/LEB-lang-relevant-brain-evo.pdf
]https://www.sciencedaily.com/releases/2012/10/121008082953.htm
]https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1053811912006581?via%3Dihub

Se gostou do texto, NÃO compartilhe, seja um pouco egoísta, afinal, se só você ficar mais inteligente, dominará o mundo.

Compartilhe