Doentes precisam de advogados, sinal de uma sociedade doente

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Francisco tem quase 80 anos. Sempre levou uma vida digna. Trabalhou. Criou a família. Alegre, curtia os netos. Colhia os frutos de uma vida vivida com honestidade e dignidade. Nunca acumulou fortuna. A vida sempre apresentou dificuldades, que foram superadas. Mas o envelhecimento traz desafios ainda maiores do que os que já enfrentou nessa vida.

As labutas da vida cansaram o corpo. Veio o diabetes. Machucou o dedo e o sangramento não estancava. Foi ao hospital. Teria que arrancar o dedo, acabou perdendo o pé. Os rins também envelheceram. Os médicos prescreveram hemodiálise.

O pior estava por vir. Não falo de nenhuma doença de Francisco. O pior é a doença da corrupção, que sangra o Brasil. As vagas de hemodiálise não estão disponíveis para as pessoas mais pobres. O SUS foi tão sucateado, tão depredado, que nos acostumamos a ter filas que nunca acabam. Filas da morte.

Para enfrentar o descaso dos gestores da saúde pública em Brasília, prescreveram buscar advogados. As coisas na Capital da República brasileira estão muito bagunçadas. Quando uma pessoa pobre adoece, ela precisa procurar juízes, defensores públicos e advogados. Quando alguém adoece e ao invés de precisar de médicos, precisa de advogados, é sinal de que a sociedade está doente.

Francisco buscou advogado, que procurou a justiça, que mandou que o SUS tratasse o paciente. Eita sociedade doente, em que juiz precisa dizer o óbvio.

Mas o pior vem agora. Nem decisão judicial garante tratamento na Capital da República. As pessoas morrem na fila do SUS, enquanto os políticos, quando adoecem, vão para luxuosos e excelentes hospitais privados.

A nossa sociedade está gravemente doente. Já acostumamos a ver o sofrimento do outro e não sentir nada. Não sei se estamos anestesiados ou insensíveis.

O mais triste é que os que hoje lerão essa história e darão de ombros são as vítimas de amanhã. Envelhecer tem um preço que todos pagaremos. Quando nos silenciamos diante do sofrimento de Francisco e de tantos outros, alimentamos o monstro que irá nos devorar no futuro.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email
Saber Melhor

Saber Melhor

Deixe um comentário

Sobre Nós

Mais importante do que dizer quem somos é informar o que temos a oferecer para você aqui no site “saber melhor”. Somos um grupo de pessoas com as mais diversas profissões e experiências. Médicos, advogados, psicólogos, jornalistas, pais, mães e irmãos de crianças com deficiência, dentre outros, que somamos as nossas experiências e conhecimentos para trazer informações úteis e de qualidade para tornar a sua vida menos complexa. E o melhor, tudo inteiramente de forma gratuita. Leia mais

Artigos Recentes

Siga-nos no Facebook

Conteúdos Relacionados

Nosso Twitter