Laranja: mitos e verdades sobre a fruta

Laranja: mitos e verdades sobre a fruta

23 de julho de 2019 0 Por Saber Melhor

A laranja é conhecida principalmente pela vitamina C, nutriente que ajuda na prevenção e tratamento de gripes e resfriados. No entanto, também é fonte de potássio, magnésio e betacaroteno, nutrientes com ações antioxidantes que auxiliam na prevenção de problemas cardiovasculares e até mesmo câncer. Ou seja: está longe de ser apenas um suco refrescante.

A laranja tem lugar cativo em uma dieta equilibrada. A vitamina C, além de vital para o bom funcionamento das defesas do organismo, também ajuda na absorção do ferro dos outros alimentos, como, por exemplo, na ingestão de folhas verde-escuras ou feijão acompanhados de uma fatia da fruta. Já o potássio ajuda a manter a pressão arterial em níveis saudáveis.

Outra vantagem é a entrega de energia, já que a laranja é rica em açúcar e carboidratos. Cabe ressaltar que, como qualquer alimento, deve ser consumida com moderação, pois tem cerca de 50 calorias a cada 100 gramas.

Nutrientes da laranja

A laranja é fonte de betacaroteno, folato, tiamina e potássio. Rica em antioxidantes, vitaminas C e E, compostos fenólicos e carotenos. É também fonte muito importante de ácido ascórbico, um nutriente que além da ação vitamínica, é precioso pelo seu efeito antioxidante, pelo estímulo ao sistema imunológico.

Auxilia ou atrapalha na dieta?

De acordo com uma pesquisa feita pela Universidade Estadual Paulista – Unesp, o suco de laranja não é um fator que pode prejudicar a dieta. Ao final da análise, notou-se que o suco de laranja não impediu a perda de peso dos participantes e o emagrecimento registrado entre os grupos foi o mesmo: menos seis quilos em três meses, eliminando 8% de gordura e 3% de massa muscular.

Índice glicêmico

Cada laranja possui aproximadamente 16g de carboidrato. Contudo, o índice glicêmico é médio, ou seja, o impacto do consumo de uma laranja para o aumento da glicemia não é prejudicial. Isso se deve pelo seu bom conteúdo de fibras, quase 2 gramas por porção, o que corresponde a 10% do teor de fibras recomendado por dia.

Laranja e diabetes

Desde que o consumo não seja exagerado, sim, pode É recomendado o consumo de no máximo três porções de fruta por dia, nunca na mesma refeição.

Compartilhe