Transforme a sua vida em algo melhor com um simples truque

Transforme a sua vida em algo melhor com um simples truque

30 de julho de 2019 0 Por Saber Melhor

Se você seguir o que proporemos, a sua vida vai melhorar. Totalmente grátis. Você não pagará nada por essa preciosa dica. Uma única atitude pode alterar a sua visão sobre o mundo. O relacionamento com os seus filhos terá melhoras extraordinárias. O implemento de um ato trará significativa melhora em suas relações sociais. O seu ambiente de trabalho se tornará excelente. O seu casamento será resgatado do fracasso ou se tornará ainda melhor.

Um casal briga constantemente. Ele, quando chega do trabalho, vai beber cerveja. Ela, todos os dias tem uma desculpa para se afastar. Em eventos sociais, ele a humilha. Ela se sente diminuída, ofuscada. Ele é esquerda, ela direita, cara e coroa. Apenas interesses financeiros seguram o casamento.

Crianças órfãs de pais vivos. A mãe, relapsa, diz orgulhosa que a filha é independente. O pai, preocupado com milhões de coisas, não vê o crescimento dos filhos. Brigas por causa dos amigos, das tarefas não feitas, do amor inexistente.

A pessoa experimentou sucessos e fracassos. Após 30 de profissão, trabalhando na área de lazer da casa dos pais. Todas as sociedade e parcerias fracassaram. Todas terminaram em brigas e desavenças.

Em todos os exemplos, fictícios e recorrentes, uma marca comum. Os envolvidos não se autoconheciam. A própria personalidade era um mistério para o envolvido. Sem autoconhecimento, não conheciam os parceiros, sócios, filhos, cônjuges.

Se não se conheciam, não tinham como conhecer as circunstâncias do outro, não tinham como “calçar os sapatos do outro”. Assim, o inferno é sempre o outro.

Em todos os exemplos acima, a falta de autoconhecimento impedia que se analisasse os fatos da vida sob a perspectiva alheia. O fracasso profissional, o desleixo com os filhos, o alcoolismo, o sofrimento e vazio existencial derivam do egocentrismo. Sem conhecer os próprios defeitos, tudo parece culpa do outro. Você é sempre a vítima.

Um cônjuge não percebe que o seu brilho ofusca o brio do outro. Quando um desvaloriza o outro, se tornam invejosos e rivais. Infeliz, espalham infelicidade. Toda sociedade ou parceria que termina mal, aquele que “rouba” o outro é aquele que se acha muito bom e não enxerga as próprias limitações. Quando não se vê apreciado, rouba. A vida não pode ser compartimentada. A miséria pessoal se reflete em relacionamentos profissionais e afetivos vazios e pobres.

Para melhorar a própria vida, para ter uma vida honesta, para ser alguém menos vazio é preciso olhar para o próprio interior e tentar se colocar no lugar e circunstâncias do outro. Se todos fizessem isso, não existiria tráfico de drogas, infelicidade familiar e roubo.

Para que a sua vida melhore, faça o exercício de se colocar no lugar dos outros. Diga que tentará ser uma pessoa melhor. Compartilhe.

Compartilhe